Curso ganha conceito 5 e confirma qualidade do ensino no Icesp

Camila Carvalho

Na última sexta-feira (04), o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou os resultados do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) de 2018. O curso de Administração do Icesp alcançou a nota cinco, conceito mais alto do Enade.

A prova é realizada pelo governo federal, anualmente, para avaliar os cursos de graduação do Brasil. Diversas instituições participam do processo, medindo o conhecimento de estudantes dos cursos escolhidos. A cada três anos, são avaliadas determinadas áreas do conhecimento. No ano passado, foi a vez dos cursos de Direito, Administração, Ciências Contábeis e Gestão Financeira.

Os acadêmicos que participam do Enade são os ingressantes e os concluintes de cada curso. A prova é constituída com questões de formação geral e temas específicos de cada curso. O conceito Enade tem escala de notas de 1 a 5, sendo 1 e 2 para os cursos que estão abaixo da média, três aos que estão na média ou próximos, e 4 e 5 são as notas atribuídas àqueles que estão acima.

Critérios
Em todo país, apenas 3% dos cursos de instituições particulares atingiram a nota máxima. Segundo o documento do INEP, administração e direito são os que mais registraram números de matrículas nesta edição do exame. O documento diz ainda que, levando em consideração instituições públicas e privadas, a área de administração teve apenas 4,5% de cursos com nota máxima.

A reitora do Centro Universitário Icesp, Ana Angélica Paiva, comemorou o resultado da avaliação do Enade. “Esses indicadores, mesmo sendo inicial, refletem o desempenho dos alunos. Isso é importante para nós. Os alunos fizeram uma avaliação e demonstraram um conhecimento que está no conceito máximo”, comentou.

Ainda segundo Ana Angélica, é importante para o Icesp o reconhecimento do trabalho dos professores, da coordenação e de todos os setores que apoiam esse processo. “Nossa instituição trabalha para que nossos alunos estejam preparados, sejam bem avaliados e reconhecidos. Isso é muito bom, porque vai incidir numa avaliação da instituição como um todo. É a convicção de que estamos no caminho certo, um momento de celebração”, comemorou a reitora.